Governador lança programas para aumentar a produtividade no campo


Para ampliar a produtividade e renda no meio rural catarinense, o governador Carlos Moisés, acompanhado do secretário da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural, Altair Silva, lançou o Programa Terra Boa 2022, durante a abertura da 16ª edição do Tecnoeste – Show Tecnológico Rural do Oeste de Santa Catarina, em Concórdia, nesta terça-feira, 15. Além disso, o chefe do Executivo estadual anunciou mais investimentos para o Programa Reconstrói.


Na edição deste ano, o Terra Boa terá um aporte maior de recursos. Serão R$ 105,2 milhões para apoiar a aquisição de sementes de milho, calcário, kits para melhoria de pastagens e do solo, além do incentivo à apicultura, à meliponicultura e ao cultivo de cereais de inverno. O aporte disponibilizado é 86% superior em relação a 2021.


Outro importante anúncio foi o Programa Reconstrói, com recursos de R$ 50 milhões para atender cinco mil agricultores, onde os financiamentos são de até R$ 10 mil, sem juros e com cinco anos para pagar. Caso o pagamento seja feito em dia, há um desconto de 50%. Os valores são para recuperação de sistemas produtivos, neste momento, será para mitigar os efeitos da estiagem.


Na ocasião, o Governador também citou os investimentos na preservação das nascentes, além da perfuração de poços e a conservação de água. Segundo ele, “são programas que vão auxiliar e manter a competitividade do agronegócio, que corresponde por mais de 70% das exportações catarinenses.”


O Programa Terra Boa irá incentivar a aquisição de 220 mil sacas de semente de milho; 430 mil toneladas de calcário; 4,4 mil kits forrageira; 600 kits apicultura e 2 mil kits solo saudável. Além disso, os produtores catarinenses contarão com o apoio do Governo do Estado para investir na produção de cereais de inverno.


A intenção é apoiar o cultivo de até 20 mil hectares de grãos que serão destinados para a fabricação de ração animal, bem como fomentar o cultivo de cereais de inverno para produção de silagem.


O secretário de Agricultura, Altair Silva, explicou que o aporte maior no Terra Boa possibilitará um aumento nas cotas disponíveis aos produtores rurais, o que deve ampliar o número de beneficiários.


Já a presidente da Epagri, Edilene Steinwandter, salientou que o Reconstrói é um programa já estruturado para atender aos produtores atingidos por qualquer evento extremo, condição climática adversa, neste momento a estiagem. “É importante que o agricultor busque a Epagri dos seus municípios para informações dos diversos programas do Governo do Estado.”


Fonte/foto: ClicRDC

0 visualização
Whatsapp-Icon-PNG-300x300.png