Em duelo com dois gols anulados, São Paulo e Palmeiras empatam no Morumbi


São Paulo e Palmeiras não saíram do 0 a 0 na noite deste sábado, no Morumbi, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, em um jogo que teve polêmica nos minutos finais: após consulta ao VAR, o possível gol da vitória tricolor foi anulado por impedimento e participação de Miranda no lance do gol. Num jogo morno em vários momentos, o final teve tensão digna dos dois duelos que os rivais farão pelas quartas de final da Libertadores, nos dias 10 e 17 de agosto. Além da polêmica no fim, o duelo teve alguma emoção, com outro gol e pênalti anulados para o São Paulo, chances de gol e até pipas no gramado. No total, Palmeiras e São Paulo vão chegar a sete clássicos na temporada – um recorde do Choque-Rei.


Como fica?


O empate leva o Palmeiras aos 32 pontos, ainda líder, mas com o Atlético-MG podendo se aproximar se vencer o Athletico-PR no domingo. Já o São Paulo vai a 12 e dorme fora da zona de rebaixamento, mas pode ser ultrapassado por Sport e América-MG até o fim da rodada.


Central do Apito


O VAR atuou no lance capital do jogo, em gol contra de Gustavo Gómez aos 43 do segundo tempo. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira foi ao vídeo e anulou o gol porque entendeu que Miranda, impedido, interferiu na jogada ao atrapalhar Patrick de Paula. O comentarista Salvio Spinola concordou com a decisão: “Mesmo não tocando na bola, ele disputa com o adversário. A regra fala em tocar na bola ou disputar com o adversário. Olhando essa imagem agora, gol corretamente anulado”. Além disso, o VAR atuou num pênalti de Gómez em Marquinhos – Luiz Flávio também anulou após consulta ao vídeo.


Próximos jogos


O São Paulo volta a campo na próxima quarta-feira para enfrentar o Vasco, às 21h30 (de Brasília), pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil – o Tricolor venceu a ida por 2 a 0. Já o Palmeiras tem semana livre e só joga no outro sábado contra o Fortaleza, às 21h, no Allianz Parque, pela 15ª rodada do Brasileirão.



FONTE: Globoesporte.com

FOTO: Marcos Ribolli

9 visualizações
Whatsapp-Icon-PNG-300x300.png