Comissão de Arbitragem da CBF admite pênalti em Ricardinho contra a Chape


O Grêmio entrou com uma reclamação formal na Comissão de Arbitragem da CBF pelo lance que envolveu o centroavante Ricardinho na derrota para a Chapecoense, na última sexta-feira. O parecer da Ouvidoria foi de admitir o erro na atuação da árbitra Edina Alves e do árbitro de vídeo, José Claudio Rocha Filho.


O lance ocorreu aos 43 minutos do segundo tempo, em arremesso de lateral direto para a área. O centroavante Ricardinho foi atingido no rosto pelo lateral Ronei e ficou no chão. Depois, foi possível ver que o jovem sofreu um corte no supercílio, com sangramento, e precisou levar três pontos para suturar o ferimento.


Na transmissão do Premiere, o comentarista de arbitragem Sandro Meira Ricci já havia apontado que o pênalti deveria ter sido assinalado e que a equipe de arbitragem havia se equivocado.


Confira o parecer da Ouvidoria da CBF divulgado pelo Grêmio:


"O Reclamante tem razão.


Com efeito, efetivamente, a falta se caracterizou com golpe de braço no rosto de seu jogador, conquanto não com o cotovelo e sem a violência mencionada.


A falta se caracterizou porque o defensor, já antes de a bola se encontrar em disputa, colocou o seu braço, embora sem velocidade e sem força excessiva, contra o rosto do adversário e o impediu de disputar a bola.


O Reclamante ainda tem razão porque o VAR deveria ter atuado, uma vez que as imagens revelam tudo quanto foi dito acima.


Logo, porque o VAR dispunha de imagem para detectar o erro da árbitra de campo, deveria ter atuado e recomendado revisão."


Fonte: ge

Foto: Lucas Uebel

334 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
Whatsapp-Icon-PNG-300x300.png