Chapecoense suspende venda de ingressos contra o Grêmio


A venda de ingressos para a partida entre Chapecoense e Grêmio, válida pela 34ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, neste sábado, foi suspensa pelo clube alviverde.


De acordo com o Verdão do Oeste, apenas sócios e acompanhantes terão acesso à Arena Condá. Quem já havia adquirido o bilhete será ressarcido.


A decisão ocorreu após diversas reuniões da comissão de segurança da Chapecoense, que tem a participação de órgãos de segurança, como a Polícia Militar. O próprio setor de inteligência da PM identificou o risco grande pela mobilização de torcida gaúcha em comparecer ao estádio.


Mobilização gremista


Apesar da proibição imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), torcedores gremistas manifestaram o desejo de assistir à partida na Arena Condá "à paisana" - sem a vestimenta tricolor. Como não haveria lugar destinado aos torcedores visitantes, eles ficariam misturados com a torcida da Chapecoense.


O clube gaúcho está proibido de jogar com presença de sua torcida (inclusive nas partidas como visitante) até o julgamento da invasão de campo no duelo contra o Palmeiras, no início do mês.


O próprio vice-presidente do Grêmio, Denis Abrahão, chamou os torcedores para irem ao estádio na última terça-feira, mesmo com a proibição. Além disso, a consulesa do clube em Chapecó, Lucivete Agostini, repassou orientações para os torcedores acessarem o estádio.


Confira o comunicado do clube:


Ciente da liminar publicada anteriormente pelo STJD e negativa do pedido de efeito suspensivo para a mesma acerca da proibição da torcida do Grêmio nos estádios - tanto na casa da equipe gaúcha quanto nas demais praças esportivas do país - a Chapecoense não disponibilizou a venda de ingressos para a torcida visitante.


No entanto, manifestações em grupos e redes sociais, bem como informações levantadas pelo setor de inteligência da PM, têm dado conta de mobilizações de torcedores da agremiação adversária que compareceriam à partida “à paisana”. Diante disso, em conjunto com a Comissão de Segurança - composta por representantes do clube, Polícia Militar, Guarda Municipal e pela empresa privada que presta serviços à Chapecoense - o clube optou por suspender a venda de ingressos, priorizando, assim, a presença dos sócios e garantindo a segurança de todos.


Torcedores que já adquiriram ingressos serão devidamente reembolsados e devem solicitar o ressarcimento do valor no e-mail ingressos@chapecoense.com até o dia 26 de novembro.

A venda de ingressos adicionais para o Sócio Condá (Acompanhante de Sócio) - prevista no serviço de jogo em caráter promocional - segue vigente nas bilheterias da Arena Condá, sem necessidade de reembolso.



FONTE: Globoesporte.com

FOTO: Márcio Cunha / ACF

3 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
Whatsapp-Icon-PNG-300x300.png