Caibi: Delegacias de São Carlos e Cunhataí participam de operação com três presos

Na tarde desta quinta-feira (21), a Polícia Civil desencadeou a 4ª fase da Operação Paraguai, que teve como objetivo a prisão preventiva de mais três integrantes de uma associação voltada para o tráfico de entorpecentes, além do cumprimento de cinco mandados de busca e apreensão no Oeste de Santa Catarina.


A ação ocorreu em Caibi. Dando continuidade nas operações policiais anteriores, a Polícia Civil, após diversas outras diligências, obteve elementos informativos que indicavam a participação de outros três suspeitos na associação.


Diante dos fatos, a Autoridade Policial representou pela prisão preventiva dos investigados, dois homens de 25 anos e um de 18 anos, bem como a busca e apreensão em cinco residências. Após análise dos elementos de prova, a Autoridade Judiciária deferiu os pedidos cautelares, expedindo os respectivos mandados.


Na tarde desta quinta-feira policiais civis deram cumprimento a ordem Judicial, onde prenderam preventivamente os suspeitos. Na ação, os agentes ainda conseguiram apreender drogas. Os suspeitos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia, onde foram interrogados pela Autoridade Policial e logo em seguida encaminhados ao sistema prisional em Chapecó.


A Polícia Civil, nas quatro fases da operação desencadeadas, prendeu, preventivamente, dez investigados, entre eles, um homem considerado o chefe da organização criminosa. O inquérito policial será concluído nos próximos dias, com o indiciamento dos suspeitos pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.


A ação da Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Fronteira de Caibi, teve o apoio da Delegacia de Palmitos, Delegacia de São Carlos, Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos de Chapecó e Delegacia de Cunhataí.




Fonte/foto: PCSC

716 visualizações
Whatsapp-Icon-PNG-300x300.png